Os erros mais comuns dos gestores de empresas

Ser responsável pela gestão de uma empresa não é tarefa fácil. O cargo exige dedicação, conhecimento e muito jogo de cintura. Mas existem alguns erros que, por acontecer com uma certa frequência, poderiam ser evitados. Confira a nossa lista:

 

Achar que os colaboradores não conseguem lidar com a verdade em momentos de crise

Momentos de crise sempre são complicados. Mas nunca esconda a verdade dos seus colaboradores. Explique de forma clara o que está acontecendo, aponte o que pode ser melhorado e incentive a sua equipe a buscar bons resultados.

Ter informações verdadeiras vindas de seus superiores ajuda a equipe a estabelecer uma relação de confiança, o que é vital para realizar um trabalho de alto rendimento.

 

Sempre culpar seus superiores pelos problemas ocorridos

Não assumir a culpa dos seus próprios erros é um problema grave em qualquer cargo. Mas quando uma equipe percebe que o seu líder fica sempre passando a culpa para outra pessoa, como o seu superior, é muito pior. Os colaboradores deixam de acreditar no profissional, que mesmo que tenha realizado feitos positivos para a organização, passa a ter uma imagem manchada no seu ambiente de trabalho.

 

Achar que o colaborador tem sorte de estar naquele emprego

Por mais que a sua organização seja um excelente local de trabalho, e que a crise tenha sim diminuído muito o número de empregos disponíveis, nunca pense que o colaborador tem sorte de ter esse emprego.

Conseguir trabalhar com qualidade e entregar bons resultados é o que garante a permanência de todo profissional nas empresas. Essa é uma vitória conquistada pelo colaborador, não uma questão de sorte.

 

Fazer reuniões em excesso

Alguma empresas têm problemas com a falta de comunicação entre as diferentes áreas. Outras, no entanto, têm problemas com o excesso de reuniões.

É importante ter um grupo unido, que esteja em sincronia, mas todas as decisões não precisam ser tomadas em uma quase assembleia.

Estabeleça pautas para as reuniões e converse apenas com as pessoas que estão realmente envolvidas naquele planejamento.

Realizar reuniões gerais também é interessante para manter a comunicação da equipe, mas esses encontros podem acontecer de forma mais esporádica.

 

Sobrecarregar colaboradores

Sempre que existe uma retração do mercado, as empresas tendem a diminuir suas vendas e, com a menor receita, corre-se o risco de precisar demitir funcionários. É uma atitude comum, mas os gestores precisam ficar atentos para não sobrecarregar os colaboradores que permaneceram na empresa.

Faça uma redistribuição das tarefas, determine as prioridades e, se possível, passe os trabalhos menos importantes para terceirizados. Mantenha boas condições de trabalho para os colaboradores que continuam com você.

Deixe uma resposta